/

O que é Doença de Parkinson?

Não é uma doença nova. Ao contrário, foi descrita pela primeira vez no final do século retrasado. Isso mesmo. Antes do século XX. Muitos já ouviram falar, mas poucos sabem o que significa ou como reconhecer.

Inicia-se em geral, depois dos 60 anos de idade. Por isso é mais comum em idosos. Tem como causa a morte de algumas células cerebrais que deixam de produzir dopamina, que é uma substância fundamental, principalmente para os movimentos do corpo.

Por isso, um dos sinais da doença de Parkinson são tremores finos que aparecem geralmente nas mãos. As pessoas ficam tremendo, o que dificulta algumas atividades diárias simples, como segurar uma xícara para tomar um cafezinho.

Os movimentos ficam mais difíceis porque os músculos ficam mais rígidos. Isto vale também para os músculos da face. Por isso falar pode ficar mais difícil. Engolir também fica mais complicado, exigindo mais esforço. Outro sinal importante de aparecimento da doença de Parkinson é a letra da pessoa, que fica bem menor.

Tudo isso restringe a pessoa para uma série de atividades. Resultado: depressão, desmotivação, tonturas e distúrbios de sono.

Há tratamento. Por isso é muito importante aprendermos quais são estes sinais e sintomas para podermos identificar a doença de Parkinson precocemente. Um diagnóstico preciso e ágil pode ser a porta para uma vida longa e de muita qualidade.

Publicado por Dra. Ana Escobar
Dra. Ana Escobar é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria.