/

Dores na Gravidez: é normal sentir repuxo na barriga, pontada na vagina e choque?

Muitas mulheres se queixam de variadas dores na gravidez. Essas dores eventuais são normais e benignas. Na grande maioria das vezes, elas estão relacionadas ao crescimento do útero e na sobrecarga dos músculos do nosso corpo. Vamos entender as mais frequentes e quando se preocupar com elas:

Repuxos e Pontadas na Lateral da Barriga

Essa dor, comum na gravidez, têm relação com o crescimento uterino. O útero está preso à pelve por ligamentos. A medida em que ele cresce para acomodar o bebê, esses ligamentos laterais têm que esticar e isso pode gerar dor. Fazer um pouco de repouso, deitar de lado, arrumar uma posição confortável pode resolver. Fale com seu obstetra se o desconforto for muito constante.

Dor em Peso Centralizada no Baixo Ventre

Se for algo passageiro, não se preocupe. No entanto, se durar mais tempo, como uma manhã inteira, por exemplo, atenção: pode se tratar de uma infecção urinária. Converse com seu médico sobre isso. Hidrate-se. Se tiver algum tipo de sangramento ou febre procure atendimento médico para avaliação.

Dores ou Pontadas na Vagina

A pontada na vagina é uma das “dores” da gravidez mais frequentes e geralmente não é um sinal de alerta. Pode ter a ver com a posição do bebê, com o peso do útero sobre os ossos do quadril ou com alterações nos ossos pélvicos se preparando para a passagem do bebê, ou com a bexiga cheia. 

Não se preocupe! Tente encontrar uma posição confortável para aliviá-la, evite segurar o xixi na gravidez. Importante saber que  as gestantes podem ter infecção urinária com mais facilidade.

Soluços Ritmados na Gravidez

Muito irritantes, os soluços ritmados são mais comuns no 3º trimestre. Eles são benignos e autolimitados; por isso pode ficar bastante tranquila!

Em todas as situações acima descritas, você pode se deitar com a barriga para o lado, preferencialmente do lado esquerdo, pois esta posição alivia o peso e provoca uma discreta mudança de posição do bebê, o que tende a melhorar o desconforto.

Informação é muito importante! Ainda mais nesta fase da vida! Saúde!

Publicado por Dra Adriana Grandesso Pompeo de Camargo.
Doutora Adriana Grandesso Pompeo de Camargo (CRM 115.771-SP) é médica graduada pela Unicamp. Obteve Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia, em 2007, pela Unicamp.