/

Três razões para comer quinoa

A quinoa é a semente de uma planta chamada Chenopodium quinoa, originária do Perú e de outros países da região dos Andes. O significado de quinoa, na linguagem inca, é “grão materno”; tal o seu valor nutritivo. A quinoa é deliciosa e pode ser consumida na forma de farinha – que pode ser utilizada em pães, bolos ou massas- ou na forma de grãos. A salada de quinoa é essencialmente saborosa. Vamos a três razões nutricionais para incluir a quinoa na sua alimentação:

1. Fonte de proteínas, inclusive para quem tem restrição ao glúten. A quinoa é muito rica em proteínas. É o único grão que contém TODOS os aminoácidos essenciais. Aminoácidos são os componentes isolados das proteínas e os aminoácidos essenciais são aqueles que o organismo não é capaz de produzir. A quinoa contém todos eles, o que a torna particularmente nutritiva. Não tem glúten. Por isso, é uma excelente opção para os que não podem comer glúten e para quem não quer comer carne.

2.Fonte de fibras. A quinoa tem uma quantidade significativa de fibras. Isso ajuda muito a digestão e absorção da glicose durante a digestão. As fibras da quinoa fazem com que o açúcar ingerido em uma refeição seja absorvido bem devagarinho. Isso é muito bom para o organismo e garante a sensação de saciedade. Por isso, a quinoa ajuda a quem tem diabetes e quem deseja perder peso sem sentir muita fome.

3. Fonte de vitaminas e minerais. A quinoa é muito rica em vitaminas, como as do complexo B, cálcio, ferro, magnésio e outros antioxidantes, que são essenciais para “limpar” as nossas células, deixando-as mais fortalecidas para exercer suas funções.

Publicado por Dra. Ana Escobar
Dra. Ana Escobar é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria.