/

Crianças de 2 anos já podem ter o colesterol alto?

Já diz o ditado que “prevenir é melhor que remediar”. Totalmente verdadeiro, ainda mais quando se trata de saúde. Mais ainda quando se trata da saúde das nossas crianças, que tem um futuro inteirinho pela frente.

Crianças pequenas, de 2 anos, podem, sim, ter o colesterol alto.

Como saber?

Fazendo os exames de sangue para dosar o colesterol total e suas frações.

E quem deve fazer esse exame? Todas as crianças?

Não. Aos 2 anos de idade devem fazer o exame de colesterol apenas as crianças que tem pais ou avós com colesterol elevado por causa familiar. Isso significa que, não obstante uma alimentação correta, sem frituras ou gorduras, o colesterol de algumas pessoas da família é alto. Independentemente de peso ou de massa corpórea elevados. Isso se chama hipercolesterolemia familiar. É uma situação diferente das pessoas que tem o colesterol alto por conta da idade ou porque tem uma dieta ou um peso inadequados.

A causa desta hipercolesterolemia familiar é genética. Por isso o colesterol já  deve  ser dosado em crianças de 2 anos.

Quem não tem antecedentes familiares de colesterol alto na família, pode esperar um pouco para fazer o primeiro exame preventivo. Vai depender muito da alimentação e do estilo de vida de cada um. Mas, via de regra, até 10 anos de idade todas as crianças devem ter seu colesterol dosado.

Vamos cuidar  dos  corações de nossos filhos!

Publicado por Dra. Ana Escobar
Dra. Ana Escobar (CRM 48084-SP) é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria.