/

Convulsão e atraso de linguagem podem ser uma doença rara em crianças pequenas?

O atraso na aquisição de linguagem das crianças é uma situação que causa preocupação nos pais. O grande problema é que muitas vezes é difícil identificar quais são os critérios que indicam atraso na linguagem. Vamos entender.

Consideramos que há atraso de linguagem quando as crianças pequenas:

–  começam a falar as primeiras palavras soltas com 1 ano e meio ou mais tarde do que esta idade ou não falam;

– conseguem fazer “frases” de 2 palavras com 2 anos ou mais tarde do que esta idade ou não conseguem;

– conseguem formar frases completas a partir de 3 anos de idade ou mais tarde ou não conseguem.

Em uma destas 3 situações podemos considerar que há atraso de linguagem e as causas precisam ser investigadas.

Importante saber que, se além do atraso de linguagem a criança apresentar também convulsões sem uma causa identificada ou até mesmo convulsões febris, pode-se suspeitar de uma doença de origem genética rara, com um nome complicado: Lipofuscinose Ceróide Neuronal Tipo 2 ou CLN2.

É importante saber que atraso de linguagem e convulsões sem causa e recorrentes em crianças pequenas pode ter este diagnóstico de CLN2 uma vez que, mesmo sendo um quadro raro, quanto antes o tratamento multiprofissional for instituído, mais qualidade de vida as crianças e suas famílias podem ter.

Portanto, É VERDADE: convulsão e atraso de linguagem podem ser uma doença rara chamada CLN2 em crianças pequenas.

 

Publicado por Dra. Ana Escobar
Dra. Ana Escobar é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria.