/

Toda gestante tem que tomar ferro?

A carência de ferro é a principal causa de anemia na gestação. Imaginem que 4 em cada 10 gestantes tem falta de ferro.  O problema é que a deficiência de ferro está relacionada a alguns riscos indesejáveis como, por exemplo, bebê pequeno para a idade gestacional, prematuridade e sofrimento fetal. Mais importante: a oxigenação do bebê fica prejudicada.

Prevenir anemia na gestação é também importante por outra causa:  no parto, seja normal ou cesárea, há sempre uma perda de sangue. Portanto, quanto mais preparada você estiver, menor é a chance de anemia depois, quando você já estiver amamentando.

Por tudo isso, a partir da 20a semana de gestação está formalmente indicado o suplemento oral de ferro ou de polivitamínicos que contenham ferro.

Uma dica: a medicação será mais eficiente se você conseguir tomá-la meia hora antes do almoço.

Entretanto, algumas pacientes têm muita náusea com medicamentos que contem ferro.  Se este for o seu caso, procure tomá-lo junto com a refeição, o que deve melhorar o desconforto.

A alimentação adequada, que inclui alimentos ricos em ferro, é outra importante maneira de prevenir a anemia na gestação. Esses alimentos são: fígado, carne vermelha, vegetais verde escuros como couve, brócolis ou espinafre, por exemplo, e leguminosas como feijão e lentilha.

Tome suplemento de ferro e alimente-se bem! A vitamina C aumenta a taxa de absorção do ferro. Portanto, aí vai uma dica gostosa e saudável:  esprema umas gotinhas de limão no seu prato, todos os dias!

Publicado por Dra Adriana Grandesso Pompeo de Camargo.
Doutora Adriana Grandesso Pompeo de Camargo (CRM 115.771-SP) é médica graduada pela Unicamp. Obteve Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia, em 2007, pela Unicamp.