/

Posso pintar o cabelo?

É totalmente natural que as futuras mamães sejam vaidosas. Estão se sentindo felizes com o filho que está por vir. Querem externar um dos sentimentos que vem de dentro: a beleza.

Tudo certo. Mas…muito cuidado nesta hora! Mesmo que você já tenha usado um produto de beleza várias vezes na sua vida, na gravidez precisamos pesar algumas outras coisas.

Há que se ter muita cautela com o produto que se pretende utilizar para os cabelos. Vamos entender:

– Alisamento ou Tinturas permanentes: EVITAR. As tinturas ou produtos para alisamento contêm produtos com cheiro muito forte, cuja fumaça química se espalha rapidamente e pode ser inalada pela mãe. Os produtos podem conter amônia, formol, enxofre ou metais pesados como chumbo, cobre ou prata, por exemplo. Mesmo sabendo que há muito pouca absorção pelo organismo materno, não há estudos que garantam a segurança em utiliza-los. Principalmente quando pensamos em um bebê em desenvolvimento nos primeiros 3 meses de gestação. Evite-os, porém, em todas as fases.

– Tinturas semipermanentes, tonalizantes, reflexos ou descoloração por luzes: estes produtos são mais seguros para as gestantes. No entanto, há algumas ressalvas: no procedimento de luzes, o corante deve ser limitado às folhas sem tocar o couro cabeludo. Lembre-se que o couro cabeludo é muito vascularizado e pode, com facilidade, absorver produtos que fiquem em contato com ele. E, claro, certifique-se de que os produtos são isentos de amônia ou peróxidos.

– Tinturas naturais para os cabelos, como hena, por exemplo: também são mais seguras para as mamães e seus bebês em desenvolvimento. Mas fiquem atentas à fórmula, pois em alguns produtos há adição de outras substâncias para potencializar o efeito. Nunca utilize produtos caseiros. Dê preferência a produtos que tenham sido regulamentados pela ANVISA, pois dessa forma podemos ter certeza da sua composição.

Sinta-se bem e bonita! Mas sinta-se melhor ainda sabendo que seu bebê está seguro!

Publicado por Dra Adriana Grandesso Pompeo de Camargo.
Doutora Adriana Grandesso Pompeo de Camargo (CRM 115.771-SP) é médica graduada pela Unicamp. Obteve Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia, em 2007, pela Unicamp.