/

Você sabe qual é a diferença entre Fórmula Infantil, Composto Lácteo e Leite em Pó?

Se você for a um supermercado ou farmácia comprar “leite” para o seu filho, sem nenhuma orientação, tome cuidado. Ao se deparar com a enorme quantidade de diferentes tipos de produtos expostos nas prateleiras você definitivamente não vai saber qual é o melhor e muito provavelmente volta para casa de mãos abanando até receber orientação profissional. Por isso, aqui vão algumas dicas importantes para você entender o “mundo dos leites” e se sair melhor nas suas futuras opções.

Vamos agrupar os produtos em 3 categorias bem distintas: fórmulas infantis, compostos lácteos e leite em pó. Isso já ajuda muito na hora de decidir.

O que são Fórmulas Infantis?

As Fórmulas Infantis são produtos regulamentados pela ANVISA. Isso significa que são estritamente controladas em relação a uma série de fatores. Primeiro: são indicadas para uma faixa etária específica: bebês de 0 a 6 meses, de 6 a 12 meses e crianças de 1 a 3 anos de idade. Por conta disso, devem necessariamente conter nutrientes apropriados e indicados para cada faixa etária especificamente. Assim, as quantidades de proteínas, gorduras, açúcares, vitaminas e minerais devem estar embasadas em estudos científicos que comprovem sua adequação àquela faixa etária. A base destas fórmulas pode ser o leite de vaca, de cabra ou derivada de vegetais como a soja, por exemplo. Importante: poucos aditivos são permitidos e o uso de corantes é proibido. A indicação “Fórmula Infantil” deve estar especificada na embalagem.

O que são Compostos Lácteos?

Os compostos lácteos são bem diferentes das fórmulas infantis. São regulamentados pelo Ministério da Agricultura e não tem uma faixa etária específica para a qual estão destinados. Não são recomendados para bebês com menos de 1 ano de idade. A partir daí, não há faixa etária de recomendação. Os compostos lácteos – para poderem assim ser chamados – devem ter no mínimo 51% de produtos lácteos. Devem ter limites mínimos e máximos de proteínas e de gorduras e podem – ou não- ser acrescidos de vitaminas e de minerais. Podem ter corantes. Vários aditivos são permitidos. Na embalagem existe a denominação “Composto Lácteo”.

E o Leite em Pó: o que é?

O leite em pó, por sua vez, é o próprio leite animal, do qual apenas se retirou a água. Por isso ele ficou “em pó”. Tem, portanto, 100% de ingredientes lácteos. Não está indicado para bebês com menos de 1 ano de idade e não tem limite de faixa etária.  Pode ser acrescido de vitaminas e/ou minerais. Pode ter apenas alguns aditivos e os corantes são proibidos.

Fórmulas infantis, compostos lácteos e leite em pó, portanto, tem especificidades bastante diferentes e fáceis de compreender. Esse entendimento é essencial para garantirmos o produto mais adequado para nossas crianças e nossa família.

Em tempo e para sempre:  o leite materno é de longe o melhor alimento para os pequenos. As fórmulas infantis são indicadas apenas quando, por alguma razão, não há condições para amamentação.

Informação em saúde nos torna aptos a fazer as melhores escolhas. Saúde!

Publicado por Dra. Ana Escobar
Dra. Ana Escobar é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria.