/

Sujeira faz bem para a saúde?

Muitas mães de crianças pequenas ficam aflitas quando veem seus filhos com as mãos, as roupas, os joelhos e qualquer outra parte do corpo com a sujeira das brincadeiras do dia a dia.

A vontade é de limpar imediatamente os pequenos e deixa-los “brilhando” depois do banho.

Mas…muita calma nesta hora! Claro que ninguém vai propositadamente deixar os filhos sujos…mas um pouco da sujeira do dia a dia, a sujeira que podemos chamar de “limpa” faz bem para as crianças. Por quê?

Porque nesta “sujeira” existem bactérias “do bem” que aprimoram nossa flora normal. Não se deve deixar as crianças numa bolha de assepsia.

Não é possível viver sem estas bactérias. Precisamos delas para muitas funções e uma delas consiste no estímulo  saudável do  sistema imunológico. O sistema de defesa humano precisa ser estimulado para funcionar bem.

Por isso é importante que as crianças, quando começam a engatinhar, já tenham contato com o mundo que as cerca. Devem explorar o espaço à sua volta  em suas diferentes texturas,  formas e cores. Isso significa que devemos deixar os pequenos livres para brincar e entrar em contato com areia, terra, grama ou com o pó do  chão de casa, por exemplo.

O sistema imunológico, quando naturalmente estimulado, torna-se mais potente e mais eficaz. Estudos apontam que crianças que tem contato com este tipo de “sujeira” tem menor incidência de doenças alérgicas. Funciona também para os adultos.

Lavar as mãos é essencial para a prevenção de doenças potencialmente graves, causadas por microrganismos patogênicos, que não enxergamos e que devemos evitar. Por outro lado, hábitos exagerados de assepsia podem ser prejudiciais ao estímulo do nosso sistema imunológico.

Portanto, é importante que se defina um equilíbrio saudável entre o contato de crianças com a  “sujeira” e a com a “limpeza”. Este ponto de equilíbrio é dado pelo bom senso que deve nortear nossas atitudes cotidianas.

A vitamina “S” ( de sujeira), com bom senso e equilíbrio,  pode fazer parte da vida e também pode significar saúde.

Publicado por Dra. Ana Escobar
Dra. Ana Escobar é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria.