18/03/2019 18:23h

O que é endometriose?

Entenda: o endométrio é uma camada de células que fica na parte mais interna do útero. É aí que o embrião recém fecundado se aloja até a formação da placenta. Quando não acontece a fecundação, uma boa parte desta camada descama. Isso é a menstruação.

Terminada a menstruação, com o estímulo hormonal normal, uma nova camada de endométrio se forma, preparando, pacientemente, a cada mês, o corpo da mulher para a chegada de um bebê. E assim o organismo feminino mantém seu ciclo hormonal, renovando a camada interna do útero, como que se a cada mês arrumasse uma “cama nova ” para o embrião chegar.

A endometriose acontece quando um grupo de células do endométrio, em vez de sair pela menstruação caminha em outra direção, isto é, para dentro do corpo, podendo atingir a trompa ou os ovários ou a cavidade abdominal. Isso mesmo: são células da camada interna do útero que estão no local errado. E estas células respondem á influência dos hormônios no próximo ciclo e voltam a sangrar. Só que elas estão em local errado. Sangram em local errado, e este sangue não tem por onde sair. E isto causa muita, muita dor e ainda compromete a fertilidade da mulher.

Quais são os sintomas da endometriose?

O mais comum deles é a dor em cólica. E pode ser muito intensa, a ponto de impedir as atividades de rotina. A cólica é comum durante a menstruação. Mas se for muito acentuada, converse com seu médico para ver se você não tem endometriose.

Dor durante a relação sexual ou episódios de sangramento pelo intestino ou pela urina durante o período da menstruação, também podem ser um sinal de endometriose. Assim como dificuldade para engravidar.

Tem tratamento?

Esta é a boa notícia.Tem tratamento e funciona bastante. Para cada mulher pode haver um tipo de tratamento. Lembre-se sempre que o que serve para uma pessoa pode não servir para outra.

Fique atento ao que seu organismo “fala” para você. Todo sinal ou sintoma diferente merece atenção. Cuide-se e fique tranquila com sua saúde!

Dra Ana Escobar

Dra Ana Escobar

Dra. Ana Escobar é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria. Atualmente, é coordenadora da Disciplina de Pediatria Preventiva e Social desse mesmo departamento. Ainda na área educacional, é responsável pelas disciplinas de graduação e pós graduação sensu lato e sensu stricto da Faculdade de Medicina da USP.
Dra Ana Escobar

Últimos posts por Dra Ana Escobar (exibir todos)