07/04/2019 09:00h

Qual é o melhor tipo de chocolate: amargo, ao leite, branco ou diet?

A Páscoa está aí! Ovos de chocolate estão em todos os lugares, espalhando a tentação do chocolate em embalagens coloridas, aromas novos e sabores deliciosos.Difícil resistir, não é mesmo?

Há vários tipos e cores…branco, amargo, extra amargo, ao leite, diet…Afinal, há diferença entre eles? Chocolate diet engorda? Vamos entender para escolher melhor.

Os chocolates em geral são feitos com 3 ingredientes básicos: o cacau, a gordura – que em geral é a manteiga do cacau – e o açúcar. O tipo de chocolate varia de acordo com as quantidades destes 3 ingredientes. Assim, o chocolate chamado “amargo” tem menos açúcar e mais cacau, 40 a 70%. Os extra amargos chegam até a 85% de cacau na fórmula. Por isso são mais escuros. Os chocolates ao leite, como o próprio nome indica, são preparados com leite em pó ou com leite condensado e – claro – açúcar. Tem menos de 40% de cacau na fórmula e são os mais consumidos. Os chocolates brancos não tem cacau. Isso mesmo! Por isso são brancos. São feitos com a manteiga de cacau, que é a gordura natural extraída da semente do cacau, acrescida de leite e açúcar. São os mais doces.

E o chocolate diet?
Nos tipos diet, o açúcar é substituído por adoçantes como a sacarina, por exemplo. Por isto são indicados para quem tem diabetes. Porém, o chocolate diet tem a massa e a manteiga do cacau, que é gordura. Podem até ter mais calorias do que a versão “normal”. Então atenção: chocolates diet não estão indicados para quem quer emagrecer!

Leia o rótulo, escolha o seu tipo preferido e… seja feliz!

Dra Ana Escobar

Dra Ana Escobar

Dra. Ana Escobar é médica pediatra formada pela FMUSP (Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo), pela qual também obteve Doutorado e Livre Docência no Departamento de Pediatria. Atualmente, é coordenadora da Disciplina de Pediatria Preventiva e Social desse mesmo departamento. Ainda na área educacional, é responsável pelas disciplinas de graduação e pós graduação sensu lato e sensu stricto da Faculdade de Medicina da USP.
Dra Ana Escobar

Últimos posts por Dra Ana Escobar (exibir todos)