Por que cada dia estamos mais ansiosos? - Dra Ana Escobar
30/10/2018 14:24h

Por que cada dia estamos mais ansiosos?

A grande maioria das pessoas – crianças e adultos- tem a mesma rotina há décadas: acordar relativamente cedo, preparar e tomar o café da manhã, ir para o trabalho ou para a escola, comer algo no meio da manhã e depois almoçar. Um lanche à tarde e  à noite todos estão em casa para jantar e dormir. No dia seguinte….tudo de novo. Nossos avós tinham esta rotina também. Por isso vale a pergunta: porque então agora todos – crianças e adultos- estamos nos sentindo mais ansiosos?

Muito provavelmente porque o volume de coisas que gostaríamos de fazer no período de 24 horas  aumentou. Para todos.

Por um lado, a comunicação mais ágil, rápida, na ponta dos dedos a cada milésimo de segundo, nos impõe naturalmente mais atividades. Pense quanto tempo por dia passamos respondendo mensagens, falando com amigos, com grupos, vendo pequenos filmes, fotos,  tendo que responder e verificar e-mails, de trabalho ou não, nas vinte e quatro horas do dia. Raramente desligamos.

Por outro lado, a vida está mais competitiva. Tanto para   crianças como para os adultos. A informação flui e passa por todos em alta velocidade. Importante sabermos adquirir o que é fundamental e o que devemos fazer para nos distinguirmos na multidão. Somos impelidos a vencer pois, afinal, o espaço (idealizado em nossos sonhos)  a ser conquistado exige esforço, o  que sabidamente não é fácil.

A locomoção é mais difícil nas cidades. Há possibilidades de perigos concretos nos espreitando a cada segundo do dia ou da noite. Só sossegamos quando  todos os filhos adolescentes (ou não) estão em casa dormindo.

Não há outra saída. Estamos mesmo mais ansiosos nos dias de hoje. Mas é importante ter em mente que a solução para esta ansiedade está em nós mesmos. Exatamente. Saber vivenciar as mudanças excelentes que o mundo moderno nos trouxe, sem pressão e sem estresse,  pode ser uma opção viável para cada um.

O segredo? Cada um tem que descobrir o seu. Com calma, veja o que você pode mudar no seu projeto de  vida diária,  para que seus sonhos e sua rotina   caibam mais tranquilamente no seu tempo disponível. Abra mão do que é supérfluo. Não exija mais de você do que você pode dar para os outros e para si mesmo. Acredite que é possível mudar  e vá em frente! Aproveite o mundo. Não deixe o mundo se aproveitar de você.